19 fevereiro, 2018


Leitura: Vida de bailarina: da beleza à exaustão!

Em seu novo livro "A Garota das Sapatilhas Brancas", jovem escritora de apenas 18 anos retrata a rotina puxada da bailarina Melissa em romance encantador e repleto de aprendizados.


Movimento. Ritmo. Delicadeza. Glamour. Emoção. O balé, como as outras danças, é a realização da arte na maneira mais pura: sua morada é o corpo e, para os mais idealistas, também o espírito. A maioria do público que aprecia os espetáculos mal imagina que algo tão belo pode ser tão cruel ao mesmo tempo, sobretudo com a bailarina. De mente concentrada, pés desgastados e um shape perfeito, sustentado sobre duas pontinhas, a bailarina faz parecer que todo o processo da dança é tão leve quanto ela. Tarefa árdua.

Ser bailarina é muito mais do que dominar o equilíbrio físico, ter a noção estética e a sensibilidade de se expressar com o corpo. Os treinos levam sete horas diárias, as bolhas e calos nos pés são parte da rotina e certamente uma vida de escolhas também implica em restrições. Apesar dos limites, os sonhos também são combustível para se manter no balé, principalmente no quesito “companhias de dança”. O objetivo de toda bailarina é entrar em uma grande companhia de dança, como a Stuttgart Ballet, na Alemanha, Salzburg Academy, na Áustria, e a norte-americana Juilliard School, em Nova York, entre outras escolas internacionais de renome.

Melissa é uma bailarina que sonha entrar em Juilliard, e não poupa esforços para isso. Protagonista de A Garota das Sapatilhas Brancas, romance de Ana Beatriz Brandão, Mel é uma das personagens da literatura que representa a vida de bailarina como poucas obras fazem, detalhando seu dia a dia, treinos e aspirações.

Geralmente eu passava horas e horas trancada no sótão, praticando até mal sentir as pernas, repetindo mentalmente centenas de vezes que precisava ser a melhor para aproveitar ao máximo os anos que teria para me dedicar à dança. Queria receber todo tipo de trabalho, ser a personagem principal das peças mais clássicas, me apresentando para enormes plateias nos teatros mais conhecidos do mundo. Tudo isso em pouco menos de quinze anos. Não era qualquer um que conseguia isso, e certamente não seriam algumas dezenas de relevés que me levariam até lá. Eu precisava aperfeiçoar a técnica, o equilíbrio, fortalecer a musculatura e a mente para pegar mais rápido as coreografias e assim sempre me destacar.

A Garota das Sapatilhas Brancas traz a história de uma jovem bailarina e Daniel, rapaz portador de Esclerose Lateral Amiotrófica, doença degenerativa e sem cura que, apesar de trágica, ensina Melissa a enxergar o mundo em cores. Obra de Ana Beatriz Brandão, escritora de apenas 18 anos, A Garota das Sapatilhas Brancas arranca lágrimas de leitores e leitoras, ainda mais das que vivem nas pontinhas dos pés.

Ficha técnica
ISBN: 9999097354145
Formato: 16X23
Número de páginas: 182
Preço: R$ 29,90

Sobre a autora: Viver em um mundo cercado de magia – esse sempre foi o sonho de Ana Beatriz Brandão. Ela descobriu que era possível tornar isso realidade através da leitura quando conheceu O Pequeno Príncipe, aos cinco anos de idade.Targaryen, potterhead, narniana, semideusa e tributo, Ana vive muitas aventuras todos os dias. Aos treze anos, descobriu que contar histórias era sua paixão e desde então escreveu diversos livros, entre eles O Garoto do Cachecol Vermelho, Sombra de um anjo e Caçadores de almas. Seu maior sonho é poder continuar contando suas histórias para todos aqueles que, como ela, acreditam que os livros são a melhor forma de tocar o coração das pessoas e mudar suas vidas.

Colaboração: Assessoria
Imagem: Assessoria

Até a próxima!
0

16 fevereiro, 2018


Beto Carrero World terá área temática de Hot Wheels!

O Beto Carrero World anunciou a inauguração de uma área temática de Hot Wheels, no primeiro semestre de 2018. O espaço, que possui mais de 30.000 metros quadrados, incluirá um exclusivo espetáculo de Hot Wheels, um restaurante temático, uma loja de presentes e outras atrações do universo da marca. Essa experiência dá vida à essência de Hot Wheels, com competitividade, inovação, criatividade e desafios emocionantes.

“Com essa aliança, o Beto Carrero World reafirma o seu compromisso de proporcionar aos seus visitantes sempre a melhor experiência, com encantamento, entretenimento e diversão. Queremos promover momentos únicos e inesquecíveis, e é por isso que firmamos essa aliança com a maior fabricante de brinquedos, a Mattel, através de Hot Wheels. Tenho certeza de que essa nova atração vai encantar famílias e crianças de forma marcante”, comenta Rogério Siqueira, CEO do Beto Carrero World.




“A parceria com o Beto Carrero World é a forma perfeita de a Mattel expandir para a América Latina as suas atrações de parques temáticos, criando experiências ao vivo que entretém e encantam crianças e famílias," disse Julie Freeland, Diretora Senior da Mattel Global Live Events & Attractions. “A inauguração da área Hot Wheels coincide com o aniversário de 50 anos da Hot Wheels em 2018, e será a primeira ocasião em que a marca é trazida à vida em uma atração permanente de grande porte na América do Sul”.

O atual planejamento das atrações da área temática Hot Wheels inclui:

- Show Hot Wheels: Diariamente, os fãs poderão ter a experiência de ver a transformação dos carrinhos de brinquedos em carros em escala real, realizando manobras de alta performance automobilística, perseguições emocionantes e saltos espetaculares diante de uma arquibancada com capacidade para até 3 mil fãs.
- Loja temática Hot Wheels: A loja temática Hot Wheels do Beto Carrero World oferecerá uma ampla variedade de itens Hot Wheels à venda para fãs de todas as idades.
- Restaurante temático Hot Wheels: Os fãs poderão parar para abastecer seus motores com um menu temático em um ambiente autêntico decorado com elementos do universo da marca. 

Detalhes adicionais serão anunciados na abertura oficial da área temática Hot
Wheels do Beto Carrero World no primeiro semestre de 2018. Para mais informações, visite http://www.betocarrero.com.br

Sobre o Beto Carrero World
É o maior parque temático da América Latina. Foi eleito em julho de 2017 como o sétimo melhor do mundo e o melhor da América do Sul no Prêmio Traveller’s Choice do Trip Advisor. Desde 1991, atrai pessoas de todas as idades com seus brinquedos, shows, um zoológico com mais de mil animais, passeios temáticos, além de atrações radicais como três montanhas russas e uma torre de queda livre com mais de 100 metros de altura. Situado em Penha, litoral de Santa Catarina, o Beto Carrero World recebe visitantes de todas as regiões do Brasil e de muitos países da América do Sul, como Argentina, Chile, Uruguai e Paraguai.

Sobre a Mattel
A Mattel é uma empresa global de aprendizado, desenvolvimento e diversão que inspira a próxima geração de crianças a moldar um futuro melhor. Com
nosso portfolio de marcas icônicas, como American Girl®, Barbie®, FisherPrice®, Hot Wheels® e Thomas & Friends™, criamos sistemas de brincadeira, conteúdo experiências que ajudam a criança a explorar seu pleno potencial. A Mattel também cria produtos inspiradores e inovadores colaborando com empresas líderes em entretenimento e tecnologia. Com uma equipe mundial de aproximadamente 32000 empregados, a Mattel opera em 40 países e territórios e vende produtos em mais de 150 nações. Visite-nos online em www.mattel.com

Sobre a Mattel do Brasil
Instalada no País desde 1998, a Mattel do Brasil atua no desenvolvimento de marcas infantis, líderes em quase todos os segmentos em que estão inseridas. Fazem parte de seu portfólio nomes amplamente conhecidos como Fisher-Price, Barbie, Polly, Monster High, Uno, Hot Wheels e Max Steel. Conhecida por atuar no desenvolvimento, fabricação, comercialização de brinquedos e acessórios, constantes investimentos em inovação, mídia, promoções e pela estreita parceria com seus clientes, a Mattel figura como uma das principais empresas do setor. Presente em mais de 25 mil pontos-de-venda, contribui para a geração de empregos no varejo, no setor logístico e na área de serviços em todo o Brasil. O licenciamento de marcas é outro importante foco de atuação da companhia no país. Atualmente, mais de 95% dos artigos licenciados com as marcas Barbie, Polly, Hot Wheels e Max Steel são produzidos localmente, por meio de uma rede de mais de 70 empresas de diferentes segmentos.
Colaboração: Assessoria
Imagens: Assessoria
Até a próxima!
0

A importância da leitura e educação!

Obra infantil da brasileira Zia Stuhaug levanta a importância da educação e incentivo à leitura nas crianças.
A doce obra “A galinha Suruca da Dona Georgina” conta uma história apaixonante e educativa sobre uma galinha da Angola que decide fugir de casa porque não quer ir à escola.


Suruca chegou em um navio a vapor. Dona Georgina lhe deu casa, comida e muito amor. A galinha fez novos amigos e estava feliz com a nova vida, mas sua dona queria que ela estudasse e a matriculou na escola. Suruca não gosta nem um pouco disso e foge, mas problemas fazem parte de sua jornada. Será que ela conseguirá encontrar o caminho de volta para casa?

Com ilustrações coloridas e atrativas, os pequenos leitores têm a chance de se deliciar com uma trama divertida, e ao mesmo tempo aprender uma lição indispensável: a importância do estudo.

“Então, Dona Georgina comprou cadernos, lápis, apontador e um livro de aventura. Colocou tudo em uma mochila e, falando sem parar, entregou-a a Suruca. Dona Georgina não sabia ler nem escrever, mas fazia gosto que Suruca estudasse (p. 22)

Zia Stuhaug, autora renomada, usa uma linguagem simples, que conversa com os pequenos e tem rimas divertidas para compor a historia cativante de Suruca.

Com uma mensagem importante, o livro da brasileira mostra como os estudos afetam as vidas das pessoas. Além de mostrar que pode ser algo muito além de uma obrigação, a criança pode gostar e se divertir enquanto aprende.

Ficha Técnica
Autora: Zia Stuhaug
Título: A galinha Suruca de Dona Georgina
Editora: Mais Que Palavras
Páginas: 39
Preço: R$ 32,00

Colaboração: Assessoria
Imagem: Assessoria

Até a próxima!
0

15 fevereiro, 2018


Volta às aulas: saiba a importância de atualizar a caderneta de vacinação das crianças antes do início do ano letivo!

Com o início do ano letivo, cresce a preocupação dos pais com as medidas necessárias para prevenir doenças e garantir o bem-estar de seus filhos nas salas de aula.¹ Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria, os cartões de vacinação dos alunos precisam estar em dia. Caso alguma vacina esteja em atraso, deve-se atualizá-la de forma urgente para prevenir casos de doenças contagiosas, considerando o convívio em ambientes coletivos.¹ 



“Medidas preventivas devem ser adotadas pelos pais e responsáveis, e mesmo pelas escolas, para evitar contágios indesejados. Se houver vacinas em atraso e não se aproveitou o período das férias para colocá-las em dia, não se deve perder tempo.¹ Não se vacinar ou impedir que as crianças e os adolescentes o façam pode causar enormes problemas para a saúde pública, como o surgimento de doenças graves ou o retorno de agravos de forma epidêmica, como a poliomielite, o sarampo, a rubéola, entre outros²”, alerta a Dra. Evely Tanaka, pediatra e gerente médica de vacinas da GSK.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a vacinação em massa evita entre 2 milhões a 3 milhões de mortes por ano e é responsável pela erradicação de várias doenças.² No Brasil, graças à cobertura vacinal, iniciada na década de 1970, a varíola foi eliminada no país em 1973; a poliomielite, em 1989; e a transmissão de sarampo dentro do mesmo território, em 2001.2

O Ministério da Saúde disponibiliza no Sistema Único de Saúde (SUS), por meio do Programa Nacional de Imunizações (PNI), todas as vacinas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) no Calendário Nacional.3

Atualmente, são disponibilizadas pela rede pública de saúde, de todo o país, cerca de 300 milhões de doses de imunobiológicos ao ano, para combater mais de 19 doenças, em diversas faixas etárias3 como: BCG (para prevenção da tuberculose em crianças); HPV (vírus do papiloma humano); Pneumocócica (contra a infecção por pneumococo que causa meningite, pneumonia e infecção de ouvido - otite); Febre Amarela; VIP/VOP (vacina inativada e vacina oral contra poliomielite – paralisia infantil); Hepatite B; Penta (vacina contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e infecção por Haemophilus influenzae); Rotavírus; Hepatite A; Tetra viral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela - catapora); Tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola); Dupla adulto (difteria e tétano); e dTpa (difteria, tétano e pertussis - coqueluche), e Meningite C (conjugada).4-7

Porém, além das vacinas disponíveis na rede pública, temos as vacinas da rede privada e, entre essas duas redes, existem algumas diferenças.5-7 O sistema público de saúde tem como objetivo a proteção coletiva e erradicação de doenças e para isso, necessita de altas coberturas vacinais. Já o calendário privado foca na proteção individual, ou seja, que o indivíduo faça o esquema vacinal necessário para obter a proteção máxima contra a doença.10-12

Portanto os calendários da Sociedade Brasileira de Pediatria e da Sociedade Brasileira de Imunizações são diferentes do Calendário do Programa Nacional de Imunizações, pois possuem esquemas vacinais com doses adicionais e contemplam vacinas não disponíveis na rede pública. 5-7 Veja, abaixo, essas diferenças:

- Meningococo: o PNI só disponibiliza a vacina contra o meningococo C, sendo que existem outros sorogrupos que também são responsáveis por causar doença meningocócica invasiva.8 Tendo isto em vista, os calendários da SBIm e da SBP recomendam 2 ou 3 doses da vacina meningocócica conjugada ACWY dos 3 aos 7 meses e mais dois reforços da vacina ACWY durante os 12-15 meses e 4-6 anos.5-7

O calendário do PNI não contempla a vacina pra o meningococo B, porém a SBIm e a SBP recomendam três doses no primeiro ano de vida, mais um reforço aos 12 meses, ou duas doses a partir de um ano de idade5-7.

- Gripe (Influenza): SBP e SBIm preconizam duas doses para influenza a partir dos 6 meses de idade. Após isso, doses anuais são aconselhadas para todas as idades.5-7 No PNI, a vacina só está disponível para determinados grupos: indivíduos com 60 anos ou mais de idade, crianças na faixa etária de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, trabalhadores da saúde, povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade, os funcionários do sistema prisional e professores das escolas públicas e privadas.

Além disso, na rede privada, está disponível a vacina contra gripe causada por 4 tipos de vírus (tetravalente). Já no PNI, só tem disponível a vacina contra a gripe causada por 3 tipos de vírus (trivalente).9

- Hepatite A: o PNI disponibiliza apenas uma dose, e a SBP e SBIm recomendam duas doses (aos 12 e 18 meses). 5-7

- Varicela/Catapora: o PNI disponibiliza apenas 1 dose contra Varicela.7 Os calendários da SBIm e da SBP recomendam duas doses da vacina (12 e 15 meses para SBP, 12 e 15-24 meses para SBIm).5,6

- Em relação à vacina dTpa (difteria, tétano e pertussis – coqueluche), no PNI ela está disponível somente para gestantes, enquanto que a SBP recomenda reforço aos 4 anos de idade e a SBIm, reforço dos 4 aos 5 anos, dos 9 aos 10 anos, e a cada 10 anos após a última dose, caso tenha sido feito o esquema básico completo.5-7

- Outra diferença importante é a recomendação para a vacina pneumocócica conjugada, pois no PNI são duas doses, aos 2 e 4 meses, e um reforço aos 12 meses, que é o esquema 2+1. Já a SBP recomenda o esquema 3+1, três doses, aos 2, 4 e 6 meses, e um reforço aos 12 meses. No calendário da SBIm o esquema é 3+1 com o reforço dos 12 aos 15 meses.5-7

- Pentavalente – no PNI existe a vacina pentavalente que protege contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e Haemophilus influenzae do tipo b. No sistema privado existe a vacina hexavalente que protege contra difteria, tétano, coqueluche, poliomielite 1, 2 e 3, Haemophilus influenzae do tipo B e hepatite B.5-7

Para mais informações: www.casadevacinasgsk.com.br.

Sobre a GSK
Uma das indústrias farmacêuticas líderes no mundo, a GSK está empenhada em melhorar a qualidade de vida humana permitindo que as pessoas façam mais, sintam-se melhor e vivam mais. Para mais informações, visite www.gsk.com.br.

Colaboração: Assessoria
Imagens: Assessoria

Até a próxima!
0

10 fevereiro, 2018


Sugestão de looks infantis para o carnaval!

Neste clima de espera para a época mais alegre do ano, pensar em roupas frescas e confortáveis para as crianças curtirem o carnaval é uma boa opção. 
 
 
Além das tradicionais fantasias, optar por peças coloridas e divertidas para as comemorações dos pequenos garante bem-estar e mobilidade na hora das brincadeiras. Nesse feriado de altas temperaturas, as marcas Malwee Kids, PUC, Hering Kids e Carinhoso indicam peças como bermudas, vestidos e camisetas são ideais para curtir os bloquinhos e as programações durante o dia.

Veja só os looks que separamos como sugestão para os pequenos:

PUC
 






Shopping Pátio Savassi
Av. Do Contorno, 6061 - Loja 161
Telefone: (31) 3264-0575
www.puc.com.br

HERING KIDS
 






www.heringkids.com.br
@heringkidsoficial
Sac: 0800 47 3114
 
 
CARINHOSO
 

www.carinhosokids.com.br
@carinhosokids
Facebook: Carinhoso
SAC: 0800 736 7200 


MALWEE KIDS
 


 

www.malweekids.com.br
SAC: 0800 736 7200
Instagram: @malweekids
Facebook: Malwee Kids
Youtube: Malwee Kids
 
Colaboração: Assessoria
Imagens: Assessoria e Fanpage das marcas
 
Até a próxima!
0

09 fevereiro, 2018


Dodz Kids apresenta opções de maquiagem criativas para o carnaval!

Sempre ligadas com o que acontece no universo Kids e Teen, Danny Ortali e Tatiana Rabello, criadoras da plataforma digital Dodz Kids, apresentam uma série de maquiagens divertidas com passo-a-passo para as mamães enfeitarem os pequenos foliões nesse carnaval.



Antes de começar, a mães precisam procurar produtos hipoalergênicos, tintas atóxicas e dermatologicamente testadas, indicados para a faixa etária dos seus filhos. “Para ter certeza, teste sempre os produtos na nuca ou no punho, pois mesmo o adesivo das pedrinhas e brilhos podem dar reações”, completa Tatiana.

A primeira opção foi inspirada em "Alice no País das Maravilhas" , uma história que encanta gerações. “Seu enredo é tão fantástico quanto um carnaval. Decidimos mesclar o excêntrico Chapeleiro Maluco, a Rainha de Copas e sua mania corações, com a delicadeza e ingenuidade de Alice” comenta Danny.


Passo a Passo – Alice no País das Maravilhas

Passo 1: Comece o coração cobrindo toda pálpebra e embaixo do olho, com um pincel fino e tinta rosa ou vermelha. Caso não tenha tinta, uma dica legal é usar batom, pois também é fácil de aplicar).
Passo 2: Com um lápis branco ou tinta branca, faça o contorno em volta do coração com um circulo para destacá-lo.
Passo 3: Apenas para meninas maiores, pode ser usado um delineador rente aos cílios com rímel.
Passo 4: Blush nas bochechas é fundamental para dar o ar de boneca. Nas peles mais morenas recomendamos rosa pink e tons alaranjados, nas mais clarinhas pode ser usado rosado.
Passo 5: O batom deve ser alegre para colorir a boca e deixar divertido. Usamos um laranja neon. Mas vocês também podem criar um visual incrível com gloss e glitter!


A segunda sugestão é a sensação desse carnaval: Dream Land - Unicórnio. Apesar de ser fictícia, a origem desta figura mitologica ainda é incerto e aparece em histórias de imperadores chineses, até mesmo em na narrativa de vida do filósofo Confúcio.


Passo a Passo - Dream Land – Unicórnio

Passo 1: Nesta make foi usada sombra rosa clara cintilante para destacar o clima angelical da criança. Você pode variar conforme a cor dos acessórios ou do tom de pele e cor dos olhos.
Passo 2: Blush na tonalidade terracota com um pouco de brilho furta cor.
Passo 3: Batom bem clarinho, apenas para dar aquele toque que toda menina gosta.
Passo 4: A tendência dos adesivos com brilhos, pedrinhas, pérolas é uma febre este ano. Super prático, pois são fáceis de serem retirados da pele. Principalmente para crianças vale a pena investir neste item, assim passa menos maquiagem e mais brilho no resultado!


A terceira sugestão foi inspirada em uma fantasia que nunca sai de moda e sempre fica linda com uma maquiagem criativa: a Gatinha. Essa opção trás delicadeza e, ao mesmo tempo, um pouco de sapequice e resgata a imagem brincalhona. Essa mesma base da make pode ser usada para oncinhas, tigres e outros animaizinhos felinos.


Passo a Passo – Gatinha

Passo 1: Com tinta preta, delineador ou lápis preto puxe na linha dos cilios até um pouco para fora do olho um traço fino.
Passo 2: Com uma sombra preta brilhante, use um pincel fofinho para esfumaçar o canto externo do olho. Se não tiver sombra preta com brilho, pode usar o lápis preto e o dedo para fazer esse fumê.
Passo 3: Para o focinho, desenhe um "coração" acompanhando o desenho da ponta do nariz, até passar para o lábio de cima.
Passo 4: Nas bochechas podem ser feitos traços imitando bigode, nesta make, usamos pintinhas.

Passo 5: Para dar um toque especial, você pode usar tanto adesivos com brilhos, como glitters.


Sobre Dodz Kids
Antenadas em cultura e diversão, as mães e amigas Danny Ortali e Tatiana Rabello sempre procuram passeios e formas de entretenimento para seus filhos. E essa busca constante foi a inspiração para a criação da nova plataforma digital Dodz Kids, que reúne em um só lugar sugestões completas de diversão para esse público kids e teen. Cada área dentro da plataforma é divida em: crianças, adolescentes e adultos. Cada um com sua linguagem própria e programação. A ideia é explorar o mundo de cada geração, trazendo muita diversão e interação. Será possível em um canal só falar diretamente com cada público de forma muito individual. Os Teens terão dicas voltadas ao que eles curtem no momento, separadamente das crianças.

Serviço:
Blog www.dodzkids.com.br
Instagram @dodzkids
Facebook @plataformadodzkids E-mail contato@dodzkids.com.br

Colaboração: Assessoria
Imagens: Assessoria

Até a próxima!
0

Que tal passar o Carnaval com o Batman, os Minions, a Barbie e outros personagens preferidos da garotada?

O Carnaval está aí e a garotada pode se divertir para valer com as fantasias dos ídolos em casa, na praia ou na piscina. As toalhas e roupas de cama licenciadas dos personagens infantis famosos estão com tudo, dá até para caprichar no quarto com a colcha do Batman que brilha no escuro, afinal Carnaval sempre pede muito brilho.



Este é um nicho de mercado que contribui para incrementar as vendas. O licenciamento vem crescendo com uma força maior ao longo dos últimos dez anos no Brasil. Atualmente, 70% dos produtos licenciados são voltados para o mercado infantojuvenil, na faixa de 0 a 15 anos, e o restante para os adultos.

Segundo a ABRAL, Associação Brasileira de Licenciamento, a perspectiva de faturamento do varejo com produtos licenciados para o ano passado foi de R$ 17,6 bilhões ao ano.

Quem aposta neste segmento é a Golfran, empresa gaúcha, que trabalha com vendas diretas por catálogos. A empresa oferece uma variedade de roupas de cama e toalhas aveludadas e felpudas inspiradas no universo infantil, que mexem com a imaginação das crianças. Afinal, que menina não gosta de dormir na companhia da Barbie e das princesas do filme Frozen? Sem falar nos super heróis que sempre conquistam os meninos.

Segundo Kimberly Cavalli, Gerente de Marketing e Analista de Produto, as toalhas e roupas de cama infantis trazem personagens dos filmes e desenhos adorados por crianças em todo o mundo, são coloridas, delicadas, macias, e tornam o dia a dia mais divertido. “Procuramos criar uma coleção que se aproxima do mundo delas e também é uma ótima sugestão para presentear”, afirma.





A Golfran está confiante com este nicho de mercado que começou a se movimentar no Natal, nas férias e agora no Carnaval, “queremos manter uma curva ascendente de crescimento contando com estes produtos”, aposta Kimberly Cavalli.

A Golfran trabalha há mais de 30 anos com vendas diretas através de catálogos. A linha de produtos é composta por mais de 7 mil itens e 35 mil combinações para adquirir nas cores e modelos desejados, distribuídos em três catálogos Golfran: Fianceé, Joias e Baby, lançados 2 vezes ao ano, com uma grande variedade de produtos de cama, mesa e banho, lingeries, calçados, decoração, utilidades domésticas, vestuário, artigos para bebês, joias e muito mais.Portanto, a criançada vai entrar no mundo da fantasia e garantir diversão com as peças que trazem esses temas infantis, alegrando o Carnaval.
Colaboração: Assessoria
Imagens: Assessoria
Até a próxima!
0
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...